Foto: Bruno Santos/Folhapress

Lívia Marra, da Folhapress

Trabalhar em um local pet friendly, ou seja, onde o empregado possa levar seu animal de estimação, é o desejo da maioria dos brasileiros, mostra levantamento da DogHero. Até quem não tem pet gosta da ideia.

De acordo com a pesquisa feita pelo aplicativo com 700 pessoas no país, 94% dos entrevistados gostariam da presença dos peludinhos no local de trabalho. Entre os profissionais que atuam especificamente em escritórios, 96,5% dizem gostar da possibilidade de levar o seu cachorro para o trabalho ou de contar no local com a presença de cães de colegas.

Conforme o levantamento, mesmo quem não tem animal de estimação diz que os cachorros são bem-vindos. Desse grupo, 68,15% afirmam que trabalhar em locais em que cães são aceitos facilitaria a adoção de um animal.

A pesquisa, porém, mostra que o mercado está longe de atingir a expectativa dos profissionais. Dos entrevistados, 83,76% afirmam não poder levar seus pets para o local de trabalho. Segundo a DogHero, 86,26% dos entrevistados disseram se sentir tristes e 66,4% preocupados com a situação.

Benefícios

Estudos recentes ao redor do mundo mostraram que a presença de animais de estimação no ambiente de trabalho é benéfico —entre os pontos positivos, reduz o nível de estresse e estimula a relação entre os profissionais.

Mais empresas no país têm adotado pet days ou a presença contínua de animais. Mas cuidados devem ter tomados para não causar desconforto a outros funcionários e também para garantir o bem-estar dos pets.

1 Comentário

  1. Mundo de cabeça para baixo, querem levar animais para o trabalho, empresas autorizam e os filhos? Há sim…babás, avós, bisavós, e outros terceiros pagos ou não que cuidem. Tenho marido, 2 filhas, 1 cão, 12 passarinhos mas, com certeza marido e filhas em 1º lugar. Família celeiro do amor!!!

Comments are closed.