Com o slogan “Com solidariedade e amor é possível transformar o frio em calor”, a Campanha do Agasalho 2018, que acontece em todo estado de São Paulo e é viabilizada no município pelo Fundo Social de Solidariedade (FSS), contemplou mais 8 entidades nesta quinta-feira (12).

A campanha consiste na arrecadação e direcionamento de cobertores e agasalhos a unidades assistenciais pré cadastradas no FSS. Por meio de parcerias, os pontos de arrecadação estão distribuídos pela cidade de Sorocaba, a disposição de quem desejar contribuir.

As 8 entidades contempladas puderam retirar as doações em um encontro agendado no galpão da Solidariedade, localizado próximo ao Paço Municipal. Entre as instituições presentes, estavam a Associação Sorocabana de Atividades para Deficientes Visuais (ASAC), o Clube de Mães do Nova Sorocaba, a Paróquia Sagrado Coração de Jesus, o Centro Comunitário Padre Luiz Scrossopi, a Associação Criança e o Banco de Olhos de Sorocaba (BOS). Ao todo, 30 instituições foram beneficiadas somente entre os meses de Maio e Julho deste ano.

Para Iara Araújo, representante da Asac, essa campanha é de grande importância para a associação, já que as crianças possuem vulnerabilidade social e dependem dese tipo de projeto.

“Nesses períodos de frio, a demanda de atendimentos da associação cai bruscamente. Um dos principais fatores para que isso aconteça é falta de agasalhos para as crianças, que deixam de se locomover até a associação para se protegerem do frio em casa. É muito gratificante para nós vermos as crianças voltando bem agasalhadas e protegidas do frio para receberem atendimento”, afirmou Iara.

Quem também participou da entrega foi Vanessa Braga, representante do Bos, que ressaltou a necessidade de doações para que também não é morador de Sorocaba.

“Diariamente, vemos pacientes chegando de outras cidades para receberem atendimento no Bos, a maioria de origem humilde. Pela necessidade de atendimento, eles chegam a ficar o dia todo em consulta, na maioria das vezes, sem agasalhos e vulneráveis ao clima. Essa doação ajudará muito a facilitar a rotina de quem mais precisa”, completou Vanessa.

De acordo com o Fundo Social, a maior necessidade neste momento é de agasalhos masculinos e infantis, para que mais unidades assistenciais sejam beneficiadas. Para contribuir, basta deixar a contribuição em um dos pontos de arrecadação ou no próprio FSS, localizado no quarto andar da Prefeitura.