Placa em homenagem a Marielle Franco é instalada na Câmara de Sorocaba

Foto: reprodução

A Câmara Municipal de Sorocaba recebeu, por meio de doação, uma placa em homenagem à vereadora carioca Marielle Franco, assassinada em 14 de março de 2018. A placa está fixada na entrada do gabinete da vereadora Fernanda Garcia, do PSOL, mesmo partido ao qual pertencia Marielle.

A homenagem feita é uma placa em acrílico, semelhante a uma placa de rua, com os seguintes dizeres “Rua Marielle Franco. (1979-2018) Vereadora, defensora dos Direitos Humanos e das Minorias, covardemente assassinada no dia 14 de Março de 2018”. Além dessas inscrições, o placa também possui o número, o CEP e o nome do bairro Estácio, local onde aconteceu o crime.

“Marielle era uma amiga querida, uma pessoa alegre e muito determinada. Sua atuação política no Rio de Janeiro incomodou organizações criminosas, milicianos, setores perigosos da sociedade. Ao executá-la, esses criminosos pensaram que calariam sua voz. Ao invés disso, eles só deram mais força a luta dela. Essa homenagem é para mostrar que a luta dela não acabou, pelo contrário, está em todo o mundo. Inclusive nessa Casa de Leis”, explica Fernanda.

Executada em 14 de março de 2018, Marielle Franco era militante carioca do movimento negro e das mulheres. Fernanda Garcia, que também tem uma história na luta em defesa dos direitos humanos, formava junto com Marielle a Bancada Feminista – grupo de parlamentares do PSOL eleitas em todo o Brasil e que dedicam sua luta na construção de políticas públicas em defesa da igualdade entre mulheres e homens.

2 Comentários

  1. O povo sorocabano não merece esse tipo de “vereadora”!
    essa gente da esquerda, e suas defesas de pessoas com passado, no mínimo, nebuloso, nos faz envergonhar desse ativismo político inconsequente!
    Tantas pessoas de Sorocaba, honestas, decentes e trabalhadoras, que merecem ser homenageadas, e são esquecidas por esses políticos esquerdistas hipócritas!
    Esse piçól, não é partido político, mas ORCRIM vinculada fortemente ao projeto de poder lulopetista!
    Que o povo sorocabano reveja sua posição, e evite de eleger gente de qualidade política tão baixa!

  2. Eu não acredito que a Câmara teve a “audácia” de colocar uma homenagem a esta “vagabunda comunista”. Marielle Franco, vereadora do PSOL, que fazia parte do LIXO DO PT, que defendia as “vitimas da sociedade”, os estupradores, traficantes e assassinos, que hoje chamamos pelo nome correto de VAGABUNDO !
    O que esperar de uma Câmara de Vereadores de faz “homenagem a Comunista que defende bandido” ?
    Depois o Prefeito e que o “vilão” da historia ? Nao sejamos hipócritas !!!!!

    “Digo a verdade, doa a quem doer”

Comments are closed.