Foto: Divulgação Secom

Um ofício assinado pelo diretor-geral do Ministério Público (MP), Ricardo de Barros Leonel, enviado à Prefeitura de Sorocaba no dia 22 de outubro, aponta que o chefe do Executivo, José Crespo (DEM), ignorou a solicitação da instituição para não revogar a cessão do terreno. O Projeto de Lei 244/2018, encaminhado à Câmara pelo Paço, foi rejeitado por unanimidade nesta terça-feira (23).

Segundo Ricardo no documento, para que o MP “possa desempenhar com dignidade suas atribuições junto à sociedade, necessita de instalações físicas adequadas, o que poderá ser alcançado com a construção de prédio próprio na área em questão”.

O diretor-geral do MP, também no ofício, informa a Crespo que a construção da sede, cujo projeto “já está em estágio avançado”, tem proposta orçamentária encaminhada ao Governo do Estado para 2019.

Fac-símile/MP

3 Comentários

  1. Parabéns ao alcaide. Aqui em Votorantim, os vereadores (Ver, Heber Martins, Ver. Pedro Nunes, e outros) doaram uma área enorme ao MP com promessas de que construiriam um Forum, inclusive ja tinham um valor astronômico empenhado. Ficou so na promessa.

  2. Ignorar pedido do Ministério Público ???
    Até onde chegará a empáfia do executivo sorocabano sem que providências sérias sejam tomadas para refrear seu ímpeto ditatorial ?

Comments are closed.