A máquina responsável pela digitalização de imagens utilizada no setor de radioterapia da Santa Casa de Sorocaba, foi furtada na madrugada deste domingo (2). O gestor da Irmandade que administra o hospital, padre Flávio Miguel Jorge, lamentou o ocorrido. “É lamentável. Temos seguranças, mas a pessoa conseguiu entrar e levou embora”.

Segundo o gestor da Santa Casa, o equipamento não faz parte do patrimônio do hospital, por ser um serviço terceirizado. De acordo com o boletim de ocorrência aberto no Plantão Policial Norte, o equipamento era avaliado em R$ 140 mil.

O furto foi identificado após a chegada de um funcionário do setor, por volta da meia-noite, que constatou a falta do equipamento.

Segundo o boletim de ocorrência, o equipamento furtado é da marca Fujifilm e é utilizado também para realização de exames de raio-x. Ele é formado por um CPU, monitor, mouse e teclado.

A Polícia Civil já solicitou as imagens das câmeras de segurança da unidade e vai investigar o caso. Até o momento, ninguém foi preso.

1 Comentário

Comments are closed.