Foi preso na tarde de quarta-feira (12), um dos responsáveis de participar da morte da idosa, Adia Tanikawo Soezima, de 76 anos. Lucas Barbosa da Silva, de 22 anos, foi reconhecido por meios de imagens de monitoramento. Ele e um comparsa aparecem dentro de um veículo com a vítima próximo ao local onde o corpo dela foi encontrado, um canavial, em Porto Feliz.

A mulher ficou desaparecida por aproximadamente dez dias. Ela saiu da casa para cobrar uma dívida de gado e não retornou. O corpo foi encontrado, na semana passada. De acordo com informações da Polícia Civil os bandidos são responsáveis pela compra do gad. ” Não há dúvidas que eles atraíram a vítima para uma armadilha”, confirmou o delegado, André Bonan, responsável pelo caso.

Nas imagens, a idosa aparece dentro de um veículo, na Estrada da Glória, com dois criminosos. Uma testemunha protegida viu o local onde a mulher foi executada. Em depoimento, ele afirmou que não tem dúvidas que viu os criminosos, entre eles Lucas, com a vítima.

No carro do criminoso, os policiais apreenderam uma barra de ferro, supostamente usada para matar a idosa. Lucas foi detido e segue à disposição da Justiça. A polícia continua com as investigações para identificar o segundo criminoso.