Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Vereadora denuncia déficit de médicos e falta de sala de esterilização de instrumentos no Samu

Foto: Divulgação/Assessoria de Comunicação/Câmara Municipal de Sorocaba
Postado em: 20/02/2020

Compartilhe esta notícia:

A vereadora Fernanda Garcia (Psol) fez uma visita na Base Operacional do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), localizada na Vila Angélica, na manhã desta quinta-feira (20).

 

No local, a vereadora verificou que existe um déficit de médicos e enfermeiros para o atendimento. Essa situação, segundo ela, obriga quase todos os profissionais de saúde do serviço a realizarem horas extras para atender a demanda da cidade. "Essa falta de profissionais no atendimento também pode oferecer risco às pessoas que dependem do serviço", disse Fernanda.

 

Além disso, a parlamentar também constatou a falta de uma sala própria para esterilização de instrumentos. "Esse procedimento é obrigatório, para garantir a devida higienização dos instrumentos, para que não haja contaminação", ressaltou. Conforme ela, por falta de um espaço próprio, os profissionais precisam ir a outras unidades de saúde municipais para fazer o procedimento.

 

Na avaliação da vereadora, esse problema poderia ser facilmente resolvido. "Ao lado da nova base operacional, existe um prédio que já funcionou como a Central de Esterilização e hoje está ociosa e tomada por sucatas. A prefeitura deveria deslocar os aparelhos que eram utilizados na UPH da Zona Norte para lá, pois após a terceirização eles ficaram armazenados sem utilização na Unidade Pré-Hospitalar. É patrimônio municipal parado, sendo que poderia ter uma nova utilidade", defende.

 

De acordo com informações recebidas pela vereadora, através de funcionários da UPH Norte, os aparelhos de esterilização que não são usados pelo Instituto Diretrizes são uma autoclave e uma desinfectora ultrasônica.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Câmara proíbe isopor e endurece lei para ferros-velhos e desmanches

Mulher agride e mata marido com golpe de punhal no pescoço

Gilmar Mendes e a decisão do STF

Governo procura bancos de desenvolvimento por R$ 19 bilhões

Caixa deposita saque emergencial do FGTS para nascidos em fevereiro

Homem chama PM para denunciar roubo e é preso por contrabando de cigarros