Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Servidores que atuarão no Hospital de Campanha recebem treinamento especializado sobre Covid-19

Agência Sorocaba
Postado em: 20/05/2020

Compartilhe esta notícia:

Os servidores da Secretaria da Saúde (SES), da Prefeitura de Sorocaba, participaram de um treinamento sobre situações de emergência nesta quarta-feira (20). A capacitação ocorreu na Arena Multiuso, localizada nas margens da Rodovia Raposo Tavares, onde foi instalado o hospital. 

Segundo a Prefeitura de Sorocaba, o "objetivo de prestar um atendimento digno e especializado aos pacientes confirmados e suspeitos da Covid-19, e que forem internados no Hospital de Campanha". 

As orientações foram destinadas apenas aos profissionais que atuarão na linha de frente, atendendo pacientes intermediários encaminhados pelas unidades de saúde do município. A iniciativa contou com a parceria do Centro Universitário Facens.

De acordo com a médica e coordenadora do Núcleo de Urgência e Emergência da SES, Irma Saboya, o treinamento foi planejado para acontecer durante dois dias junto aos servidores que se colocaram à disposição para atender no Hospital de Campanha. 

O primeiro treinamento teórico foi realizado na Vigilância em Saúde, nesta terça-feira (19). Já o segundo, realizado nesta quarta-feira (20), foi dividido em dois blocos. No primeiro, médicos; enfermeiros; técnicos de enfermagem, fisioterapeutas e farmacêuticos, assistiram a um vídeo técnico orientando e explicando todos os protocolos necessários num atendimento de urgência aos pacientes com o novo coronavírus. A segunda parte do treinamento foi a prática nos leitos do próprio hospital, usando bonecos que simulam sintomas humanos.

Na primeira parte do treinamento prático, o enfermeiro e voluntário, Gilberto Leite, iniciou as instruções sobre higienização, paramentação (uso dos EPIs) e desparamentação (retirada dos EPIs) aos servidores. Essas orientações são essenciais para evitar o risco de contaminação pelo vírus. O voluntário também simulou situações envolvendo a necessidade de intervenção na via aérea para realizar atendimento de urgência.

Ao final do treinamento, a médica responsável pela área de Tecnologia em Saúde do Centro Universitário Facens, Karen Abrão, simulou o atendimento de um paciente em leito de estabilização, com respirador e monitor cardíaco. A ação foi feita em um boneco que reproduz sintomas humanos, como tosse e outras ações.

“Este treinamento foi muito importante para que os profissionais da linha de frente no combate à
pandemia possam salvar vidas e oferecer uma assistência técnica e segura. Cerca de 70 profissionais foram capacitados para trabalhar no hospital de campanha”, explicou a coordenadora do Núcleo de Urgência e Emergência da SES, Irma Saboya.

Parceria com a Facens

Para o treinamento, o Centro Universitário Facens, também doou caixas de intubação e de escudos faciais à Secretaria da Saúde (SES). Esses produtos foram produzidos no Fab Lab da Instituição de Ensino. Além disso, a Facens ainda emprestou o boneco que simula sintomas humanos por meio de recurso tecnológico e disponibilizou o laboratório.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Não tenho nada a ver com isso, diz Bolsonaro sobre suspeitas contra filho Flávio

Condutores devem redobrar a atenção na Zona Norte durante serviço da CPFL

“As Viúvas” e “Robin Hood – A Origem” estreiam nos cinemas da região

Prefeitura de cidade do interior de MG afirma que mulher morreu após ingerir cerveja contaminada

Bombeiros atuam em rescaldo de incêndio que destruiu supermercado

Justiça concede mais 30 dias para Policia investigar Neymar