Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Justiça rejeita ação de improbidade contra prefeito, secretário afastado e servidor

Postado em: 27/07/2019

Compartilhe esta notícia:

O juiz da Vara da Fazenda Pública de Sorocaba, Leonardo Guilherme Widmann, rejeitou a ação civil pública, apresentada pelo Ministério Público, contra o prefeito José Crespo; o secretário afastado Hudson Zuliani; e o servidor Edmilson Chelles Martins por improbidade administrativa.

A ação, protocolada pelo promotor Orlando Bastos Filho, questionava o afastamento remunerado de Zuliani e Martins após ser deflagrada a Operação Casa de Papel, que investiga irregularidades em contratos da prefeitura.

O promotor pedia que os pagamentos fossem suspensos imediatamente e ainda determinava o bloqueio de bens dos citados.

No total, a ação exigia o pagamento de pouco mais de trezentos e sessenta e quatro mil reais dos citados.

Na decisão, o magistrado indeferiu o pedido e afirmou que a ação “míngua” de elementos concretos de desvio de finalidade para a prática do ato de afastamento dos citados, determinando a extinção do processo.

O juiz frisou que o afastamento de Zuliani e Chelles atendeu a uma recomendação da Câmara de Sorocaba e apoiada por parecer do Procurador-Geral do Município.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Concurso da Prefeitura de Sorocaba tem prova para Orientador Pedagógico neste domingo

Unip abre inscrições para o Processo Seletivo 2019

Inscrições do cadastro habitacional "Bem Morar" começam segunda-feira (2) em Sorocaba

Saae diz estar no limite da capacidade de tratar água e alerta sobre estiagem

Taxa de ocupação de leitos por coronavírus em hospitais públicos de Sorocaba chega a 80%

Fiocruz inicia pesquisa com vacina da tuberculose para combater covid