Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Monitor é afastado de escola suspeito de abusar de criança de 4 anos

Postado em: 06/12/2018

Compartilhe esta notícia:

A Polícia Civil de Tatuí abriu inquérito para investigar uma denúncia de abuso contra uma menina, de 4 anos, em uma Escola Municipal Infantil. Após a denúncia, o funcionário foi afastado das atividades.

De acordo com o delegado, Silvan Renosto, da Delegacia da Defesa da Mulher (DDM), a mãe esteve nesta quarta-feira (6), na delegacia. Em depoimento, ela contou que a filha reclamou de dores nas partes íntimas. “Levei minha filha ao médico, achando que era alguma infecção. Quando chegamos em casa, ela disse que o funcionário passava a mão nela e em outras crianças”, relatou.

O caso também foi comunicado ao Conselho Tutelar. Assustada, a mãe disse que pretende tirar a criança da unidade de ensino.

De acordo com a Secretaria de Educação, o professor, foi admitido em 2016 e está em estágio probatório. Após a denúncia, o docente foi afastado.

Em nota, a assessoria de imprensa da Prefeitura de Tatuí informou que “a Secretaria Municipal de Educação registrou no início desta semana uma denúncia de pais de uma criança, aluna uma creche do Jardim Lírio, contra um determinado servidor, por conduta imprópria. Desde então, a secretaria vêm acompanhando os pais e a criança, determinando as providências cabíveis. Está sendo aberta uma sindicância administrativa para apurar os fatos; foi acionado o Conselho Tutelar, que irá relatar o caso, se necessário, ao Ministério Público, para as devidas providências cíveis e/ou criminais. Concluída a sindicância e se for comprovado o fato narrado, o servidor deverá ser exonerado do cargo público.”

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Praias de SP ficam sem monitoramento da qualidade da água na pandemia

Prefeitura confirma que idosos deixarão de entrar pela porta traseira

Zona Leste terá abastecimento de água interrompido durante a manhã desta quinta

Reforma administrativa não tem data para retornar à Câmara; prefeitura fará readequação do projeto

Rejeitado projeto que mudava a forma do servidor municipal receber licença-prêmio

Grávida é mantida refém por ex, PM prende sequestrador e população aplaude policiais