Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Ex-técnico do São Bento se manifesta após ser acusado de estupro

Foto: divulgação
Postado em: 04/11/2019

Compartilhe esta notícia:

O técnico demitido do Esporte Clube São Bento, Milton Mendes, procurado pela redação do Ipa Online, se manifestou, nesta manhã de segunda-feira (4), a respeito de acusação de um estupro que ele teria cometido contra uma funcionária de um hotel de Sorocaba.

Por meio de nota enviada através um aplicativo de troca de mensagens, o treinador "lamentou" o caso e afirmou que irá "comprovar sua inocência". "Lamentável e totalmente fora de propósito [...]. Não fui notificado ou intimado, e informo que o B.O é uma declaração unilateral. No Brasil temos o direito da ampla defesa e do contraditório", declarou o agora ex-treinador. "O hotel tem imagens e provarei minha inocência! Hoje execraram a mim e minha família! Mas alerto que falar e não provar é tanto crime, quanto a alegação que estão fazendo contra mim", continuou.

"Faço questão de ir até o fim! Meus advogados não medirão esforços para provar minha inocência!", finaliza o texto. 

O boletim de ocorrência de estupro foi registrado na última quinta-feira (31). O caso teria ocorrido nesta mesma data. 

Por meio de nota, a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo informou que "o caso é investigado por meio de inquérito policial instaurado pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Sorocaba. A autoridade policial determinou a oitiva de todos os envolvidos nos fatos. Diligências estão em andamento para esclarecer o crime".

O caso

O treinador do São Bento, Milton Mendes, acusado de estupro por uma funcionária de um hotel de Sorocaba, pediu demissão do clube na noite de sábado (2).  O anúncio foi feito após a partida do azulão, contra o Criciúma, no estádio Heriberto Hülse, pela 32ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O treinador alegou problemas familiares para justificar a saída do clube.

Em entrevista coletiva após o jogo, o treinador afirmou que deixa a equipe por força de um problema de saúde de sua mulher. 

Sobre a acusação de estupro, na mesma coletiva, Milton Mendes negou a acusação, se disse “extremamente aborrecido” e afirmou que não medirá esforços para provar a verdade. Mas ele negou que o pedido de demissão tivesse relação com a denúncia.

Em nota oficial, o São Bento informou que a equipe será comandada pelos auxiliares Luizinho Rangel e Marcelo Cordeiro.  

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Especialista de ONG internacional vai abordar a questão de maus-tratos a animais em palestra gratuita em Sorocaba

Sem acordo com funcionários, Correios podem ter greve a partir do dia 18

Parque Tecnológico realiza lançamento de Espaço Maker neste sábado

Homem de 46 anos morre atropelado na rodovia João Leme dos Santos

Manga critica prefeita por ceder área que seria nova Policlínica para usar como garagem do BRT

Governo de SP não vai aumentar horário de funcionamento dos bares até às 23h