Prefeitura irá apresentar sistema BRT a lojistas da Zona Norte na próxima quinta

A Prefeitura de Sorocaba anunciou que irá apresentar o BRT a lojistas da Zona Norte. Os comerciantes foram convidados para participar de uma plenária no Shopping Cidade, na quinta-feira (28), às 10h.

“Escolhemos os comerciantes da região que já convivem com as obras de implantação. Vão tirar dúvidas sobre a atual fase e saberão o quanto vai melhorar o cotidiano de quem opta pelo ônibus”, declara o secretário de Mobilidade e Acessibilidade da Prefeitura e presidente da Urbes – Trânsito e Transporte, Luiz Alberto Fioravante.

O prefeito José Crespo anunciou as obras para a implementação do sistema de transporte há seis meses. De acordo com a prefeitura, “do centro da cidade à avenida Itavuvu em pouco minutos, com temperatura agradável regulada por ar condicionado, internet wi-fi para uso livre, tomadas para recarregar os celulares em modernos e confortáveis ônibus coletivos trafegando em caminhos exclusivos, ou seja, sem carros ou outros veículos que possam atrapalhar ou atrasar as viagens. BRT é sinônimo de agilidade nos deslocamentos”.

A plenária será realizada pela URBES, com as colaborações da Associação Comercial de Sorocaba, que auxiliou na convocação dos comerciantes da região, da União Cultural e Esportiva Nipo-brasileira de Sorocaba – UCENS, que cedeu os equipamentos para o espaço cedido pelo Shopping Cidade, que receberá os comerciantes da região, prestadores de serviços e cidadãos também interessados.

O BRT

O Sistema BRT vai transformar a realidade do transporte público em todas as regiões da cidade: leste, oeste, norte, sul e central. A principal característica do Sistema BRT é o deslocamento por corredores com toda a infraestrutura que garanta viagens com regularidade, ou seja, em velocidade constante e sem paradas ou esperas desnecessárias. Até mesmo os semáforos são equipados com sensores para priorizar a preferência ao tráfego dos ônibus. A sigla BRT é a abreviação do termo em inglês Bus Rapid Transit, que significa justamente ônibus de trânsito rápido.

O conforto aos passageiros é outra particularidade do sistema. Os passageiros aguardam os ônibus em modernas estações no canteiro central das avenidas. As estações são fechadas, em formato tubular, garantindo proteção da chuva, sol e vento. Também estão no mesmo nível do piso dos ônibus, ou seja, não é preciso subir degraus embarcar ou descer para desembarcar nos ônibus. E como o pagamento das tarifas é feito para ingressar nas estações ou terminais, o acesso e a acomodação ao interior dos ônibus também são mais fáceis e ágeis.

A implantação do Sistema BRT é desenvolvida, coordenada e fiscalizada pela Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade da Prefeitura de Sorocaba. A instalação e posteriormente a operação é feita pelo Consórcio BRT Sorocaba, e com o início do funcionamento a fiscalização será da Urbes – Trânsito e Transportes. A implantação iniciou em setembro de 2018 com o início da retirada e adequações de postes e redes de distribuição de energia elétrica e de água, as chamadas interferências. Neste momento os trabalhos estão concentrados na avenida Itavuvu, que faz parte do corredor Vitória Régia – Terminal Santo Antônio.

O corredor Vitória Régia até o Terminal Santo Antônio tem 5,5 quilômetros de extensão e dez estações de embarque e desembarque de passageiros e o terminal no bairro Vitória Régia, na avenida Antônio Saladino. O corredor estrutural H. Matarazzo terá 1,9 km e cinco abrigos. O corredor estrutural Comendador Oeterer terá 1,7km e seis abrigos.

No restante da cidade, corredor estrutural Centro vai ligar o Terminal São Paulo ao Terminal Santo Antônio, com 17 abrigos. O corredor estrutural sul terá 4 km e 28 abrigos. No corredor estrutural leste serão 5,9 km e 28 abrigos. O corredor BRT Ipanema terá 6,2 km, um terminal BRT, nove estações BRT e uma estação de integração. O corredor estrutural General Osório terá 2,2 km e 13 abrigos e o corredor BRT Oeste terá cinco quilômetros de extensão, um terminal BRT, nove estações BRT e uma estação de integração.

O sistema BRT vai operar com 125 ônibus novos, sendo 41 articulados com capacidade para 141 passageiros; 11 padrons especiais, com capacidade para 96 passageiros e 73 padrons, com capacidade para 82 passageiros. Os ônibus terão portas em ambos os lados.