Prefeitura interdita pousada no Centro que era utilizada para prostituição

Mais uma operação foi deflagrada pela Prefeitura de Sorocaba, através das secretarias de Segurança e Defesa Civil (Sesdec) e Políticas Sobre Drogas (Sepod) nesta sexta-feira (23), na região central de Sorocaba. Na ocasião, foram vistoriados quatro estabelecimentos, sendo um interditado por desvio de finalidade com prática de prostituição. A ação contou com o apoio da Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Civil Municipal (GCM), Fiscalização e Corpo de Bombeiros.

Durante a operação, uma pousada da rua Cel. José de Barros foi interditada por 30 dias e multada no valor de R$ 3 mil pela prática de desvio de finalidade e favorecimento a prostituição, conforme a lei municipal n° 10.052/2012. No mesmo local também foram encontradas drogas ilícitas, sendo o responsável pelo estabelecimento conduzido à Delegacia de Polícia.

“É uma ação de caráter fiscalizador, e tem também o caráter preventivo, cujo objetivo maior é aumentar a sensação de segurança na região central, que é um ponto de uso comum do povo sorocabano e de quem está passando pela cidade”, explica o secretário de Segurança e Defesa Civil, Marcos Mariano.

A “Operação Mais Centro” possui como foco a inibição de furtos, roubos, comércio ambulante de produtos contrabandeados ou falsificados. Além de realizar a fiscalização de pousadas irregulares, que são alvos de denúncias e que serviriam para ilícitos como a exploração da prostituição, comércio de drogas e desvio de finalidade.