Piedade tem confirmação de morte humana por febre amarela silvestre

A Prefeitura de Piedade recebeu a confirmação na tarde de sexta-feira, dia 26 de janeiro, da primeira morte humana por febre amarela silvestre no município. A confirmação foi da Diretoria Regional de Saúde (DRS) em conjunto com a Secretaria Estadual de Saúde.

Conforme investigado pela Vigilância Epidemiológica Municipal e Estadual, o munícipe permaneceu um período em região da área rural de Piedade, onde adquiriu a doença. Logo após a notificação da suspeita de febre amarela, uma área de 500 metros em torno do local que o munícipe residia foi isolada e o bloqueio sanitário realizado. Posterior a essa ação, nesta mesma área todas as pessoas receberam a vacina.

A Prefeitura informa que desde o dia 26 de dezembro de 2017 até o dia 26 de janeiro de 2018 já foram vacinadas mais de 90% da população, por meio da intensificação diária da Vacinação Contra Febre Amarela, mutirões realizados em finais de semana e das vacinações casa a casa nos bairros onde encontraram macacos mortos.

A Prefeitura solicita que os munícipes que não foram vacinados e moram em áreas rurais afetadas pela morte dos macacos procurem o Ambulatório Médico Municipal para receber a vacina.

A Secretaria Municipal de Saúde reforça que o óbito ocorrido foi por febre amarela silvestre. Informa também que medidas de intensificação de vacinação nas áreas rurais serão realizadas já neste sábado, dia 27 de janeiro, com equipes de profissionais da saúde que irão fazer novamente a vacinação casa a casa nos bairros afetados.

A Secretaria Municipal de Saúde informa que a Campanha de Vacinação continua de segunda à sexta-feira, das 8h às 10h, ou até o término das doses fornecidas diariamente, no Ambulatório Médico Municipal. A ação prossegue até o dia 28 de fevereiro.