Motociclistas ainda não perceberam faixa em semáforos exclusiva para eles

Foto: Rubens Maximiano

Imagens curiosas registradas pelo repórter automotivo Rubens Maximiano, na manhã desta sexta-feira (6), mostram que, apesar de estar à frente deles, os motociclistas ainda não utilizam a faixa exclusiva para priorizá-los perante o tráfego de carros. O flagrante foi feito na primeira faixa implantada em Sorocaba, localizada na avenida Dom Aguirre.

A faixa fica próxima à sede do Corpo de Bombeiros. À Rádio Ipanema, o repórter opina sobre a situação: “talvez a Urbes tenha de fazer uma campanha educativa para incentivá-los e orientá-los”, disse, durante o Jornal da Ipanema edição desta sexta.

Nesta foto vemos que, apesar de a faixa estar sinalizada, o motociclista não a utiliza e aguarda a abertura do semáforo junto aos carros.

Foto: Rubens Maximiano

O prefeito de Sorocaba, José Crespo, e o secretário de Mobilidade e Acessibilidade e presidente da Urbes – Trânsito e Transportes, Luiz Carlos Franchim, lançaram, nesta quinta-feira (5), o projeto “Frente Segura” com a implantação da primeira área de espera exclusiva para motos em semáforo na avenida Dom Aguirre.

Com uma sinalização horizontal de três metros, a faixa dá prioridade aos motociclistas e aos ciclistas na abertura do sinal de trânsito, permitindo que eles possam partir antes dos outros veículos quando o semáforo abrir, evitando ultrapassagens arriscadas.

Foto: Agência Sorocaba

A faixa de retenção também permite mais conforto para os automóveis, uma vez que elimina a aglomeração de motos ao lado dos carros e a disputa pelo espaço. Consideradas um meio de transporte vulnerável, as motocicletas são os veículos que mais se envolvem em acidentes de trânsito.

Em caráter experimental, esta área também será implantada em outros cinco cruzamentos: avenida Afonso Vergueiro com a rua Amazonas, avenida Armando Pannunzio com a avenida Santa Cruz, avenida Santa Cruz com a avenida Luiz Mendes de Almeida, avenida Comendador Oeterer com a rua Mascarenhas Camelo e avenida Edward Fru Fru com a rua Atanásio Soares. Os locais foram escolhidos em função do volume considerável de motocicletas e bicicletas que passam nessas vias. A proposta é expandir a faixa em outros cruzamentos de grande movimentação na cidade.

3 Comentários

  1. Rídiculo o comentário desse “Marcos Adriano de Carvalho Marcello”, mas quando ele pede uma pizza quer que chegue rápido né!!!!!!!

    Pois bem, essa faixa nos sinais para motoqueiros é muito bom, em São Paulo isso já tem faz tempo e funciona muito bem, acontece que pra variar a Urbes cria e não envia a nenhum canal de comunicação para informar do que se trata e como funciona, com tantas câmeras de monitoramento o pessoal fica com receio de parar e ser multado.

    Minha opinião.

    • Primeiro: quem te disse que peço pizzas pelo delivery??
      Segundo: de acordo com o art. 5°, inciso IV da Constituição Federal:

      Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
      …..

      IV – é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;”

      Ridículo é você, que não aceita que pensem de forma diferente da sua!
      Aprenda a ser educado, a respeitar o próximo!

  2. Um dos maiores causadores dos acidentes de trânsito, é o comportamento dos “motoqueiros”.
    A utilização dos corredores, para tráfego, é um dos maiores absurdos inventados por eles.
    Embora a Lie não fixe a distância que deva ser guardada entre veículos, temos diversos artigos do Código de Trânsito que se aplicam ao caso:

    Art. 29 – O trânsito de veículos nas vias terrestres abertas à circulação obedecerá às seguintes normas: IX – a ultrapassagem de outro veículo em movimento deverá ser feita pela esquerda, obedecida à sinalização regulamentar e as demais normas estabelecidas neste Código, exceto quando o veículo a ser ultrapassado estiver sinalizando o propósito de entrar à esquerda;

    Art. 192 – Deixar de guardar distância de segurança lateral e frontal entre o seu veículo e os demais, bem como em relação ao bordo da pista, considerando-se, no momento, a velocidade, as condições climáticas do local da circulação e do veículo: Infração grave e multa.

    Art. 170 – Dirigir ameaçando os pedestres que estejam atravessando a via pública, ou os demais veículos. Infração gravíssima; multa e suspensão do direito de dirigir

    Art. 188 – Transitar ao lado de outro veículo, interrompendo ou perturbando o trânsito. Infração média e multa.

    Art. 192 – Deixar de guardar distância de segurança lateral e frontal entre o seu veículo e os demais, bem como em relação ao bordo da pista, considerando-se, no momento, a velocidade, as condições climáticas do local da circulação e do veículo. Infração grave e multa.

    Na avaliação de Artur Morais, especialista em trânsito, andar nos corredores é muito perigoso. “[…] Se formos levar o Código de Trânsito ao pé da letra, esse tipo de tráfego é proibido. Não se deve e não se pode percorrer entre os carros quando eles estão em movimento, mas, na prática, é o que mais acontece”, considera.
    Portanto, a criação dessa “faixa” é apenas premiar os péssimos condutores, que se utilizam dos argumentos mais absurdos para justificar seu comportamento.

Comments are closed.