Força-tarefa em combate aos escorpiões continua no Jd. Santa Esmeralda

Foto: Agência Sorocaba

Iniciada no dia 14 de dezembro de 2018 e antecipando até mesmo o Ministério da Saúde, a Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Saúde (SES) continua intensificando suas ações através da força-tarefa em combate aos escorpiões. Desde a última quarta-feira (2) os trabalhos seguem no Jd. Santa Esmeralda.

Até o dia 27 de dezembro, 255 toneladas de resíduos foram retirados de áreas públicas em toda a cidade na força-tarefa. Cerca de 1.070 imóveis e 31 moradores foram notificados por apresentarem irregularidades.

Para que as ações sejam completas, a Secretaria da Saúde (SES), por meio da Divisão de Zoonoses, conta com o apoio das secretarias de Conservação, Serviços Públicos e Obras (Serpo) na retirada de entulhos em área pública, Meio Ambiente, Parques e Jardins (Sema) para roçagem de mato alto, e Comunicação e Eventos (Secom) para divulgação de orientações na imprensa e redes sociais. Além do Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) para limpeza de bocas de lobos.

Durante as visitas nas residências agentes da Zoonoses verificam condições favoráveis da proliferação do escorpião e também passam as orientações à população, inclusive com um folheto explicativo. Após o trabalho ser concluído, outras ações serão iniciadas em novas regiões da cidade que serão divulgadas.

A força-tarefa já passou pelas regiões dos bairros Lopes de Oliveira, Luciana Maria, Itapõa, Jardim Rodrigo e, sobretudo, no Wanel Ville, para verificar o nível da infestação de escorpião no local e dar as orientações para prevenção e controle do aracnídeo. Outros imóveis da cidade também foram atendidos por conta de solicitações feitas através da Central de Atendimento da Prefeitura de Sorocaba.

Orientação à população

A Secretaria de Saúde (SES), solicita aos munícipes que fiquem atentos em suas residências, como se lembrar de afastar os móveis há pelo menos um palmo da parede, verificar roupas e calçados antes de usá-los, usar tampas estilo “abre e fecha” em ralos e manter fechado quando não estiver usando, vedar frestas de portas e janelas, além de proteção em interruptores, evitar o acumulo de sujeira e lixo e nunca tocar em um escorpião.

No caso de uma pessoa ser picada por um escorpião, a Zoonoses orienta que procure atendimento médico imediato, seja nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), Prontos-Atendimentos (PAs), Unidades Pré-Hospitalares (UPHs) ou Unidade de Pronto-Atendimento (UPA). Nestas unidades, o médico vai definir qual vai ser a conduta a ser tomada. Se for a indicação de soro antiescorpiônico, é feito encaminhamento ao CHS.

Caso necessite eliminar um escorpião, utilize ação mecânica (objeto) sempre tomando cuidado de manter distância entre sua mão e o animal. Os escorpiões somente picam quando são tocados e se sentem ameaçados. É possível, também, acionar a Zoonoses por meio do canal 156 ou pelo site da Prefeitura: http://www.sorocaba.sp.gov.br/atendimento/#/Home/Solicitacao ou ainda procurar uma das Casas do Cidadão para registrar a ocorrência.

Em seguida, uma equipe técnica vai ao local, faz a inspeção da área e monitora o porquê da infestação. O aracnídeo é resistente ao uso de inseticida, ao contrário do que muitos pensam. É ineficaz aplicar. Eles são muito resistentes, conseguem ficar meses sem se alimentar, em condições adversas.

Dicas úteis para evitar acidentes com escorpiões

1. Não passe veneno. Venenos comuns não matam escorpião. Eles possuem um sistema respiratório capaz de fazer com que fiquem paralisados por um tempo e depois voltam ao normal, aí vão procurar proteção dentro das casas, armários, etc.

De acordo com Manual de Controles de Escorpiões do Ministério da Saúde, dedetizar um ambiente a fim de exterminar os escorpiões faz com que os animais se desalojem, mas permaneçam vivos, aumentando os riscos. Com a aplicação pulverizada do produto, os animais se movem para regiões de superfície, onde não há veneno, e a possibilidade de acidentes aumenta.

2. Tampe ralos com tela, feche as frestas embaixo das portas à noite. Tampe buracos e rachaduras de sua residência. Tampe tomadas não utilizadas. Jogue água sanitária semanalmente nos ralos.

3. NÃO acumule lixo no quintal. NÃO acumule entulho. Se tiver alimento para ele, ele vai no seu quintal. Escorpiões gostam basicamente de grilos e baratas. Deixe as lagartixas em paz, elas são suas amigas nesse caso.

4. DENUNCIE vizinhos que tenham lixo / entulho acumulado.

5. Caso encontre um escorpião, jogue um veneno para paralisa-lo. Então o coloque em um recipiente com água e chame a Vigilância Sanitária para que ela possa identificar a espécie e ter os dados do local (o que facilitará um trabalho de controle por parte da Prefeitura).

6. Deixe berço e cama desencostadas da parede. Não deixe cobertas, lençóis caídos da cama para o chão, para que eles não possam subir.

7. CUIDADO com casinha de bonecas esquecidas lá no fundo do quintal, onde só a criança entra e os pais nunca vão fazer uma inspeção. CUIDADO com tocas, barracas… cheque antes da criança entrar. CUIDADO com caixas de brinquedo.

8. Mantenha seu quintal sem mato e com a grama aparada.

9. Parece engraçado recomendar isso, mas galinhas são predadores naturais dos escorpiões. Galinhas d’Angola além de predadores de escorpião são ótimas vigilantes para sua casa.

10. Vai organizar armários? Nesse momento em que se fala tanto em escorpião, que tal usar luvas de proteção para evitar surpresas? Já houve incidentes com escorpião escondido em meio a toalhas.

11. Ensine seus filhos. Mostre fotos. Existem animaizinhos de Jesus, bichinhos da natureza dos quais devemos manter distância.

12. A picada do escorpião é bastante dolorida e não causa inchaço, nada visivelmente assustador. Se a criança apresentar muita dor e você não tiver visto o que a picou, leve no hospital. Se identificou, vá ao hospital levando o escorpião junto em um vasilhame seguro.

13. JAMAIS passe álcool no local da picada, apenas lave com água em abundância e coloque gelo.

14. Caso você ou um familiar tiver sido picado por um escorpião e estiver no hospital, entenda que há necessidade de se fazer um exame prévio para depois ser aplicada a sorologia. Não fique nas redes sociais reclamando de negligência do hospital ou dos profissionais sem entender antes o procedimento.

15. Algumas espécies de escorpião possuem reprodução assexuada, o que permite que uma fêmea tenha filhotes sem a necessidade de um escorpião macho. Isso facilita infestações, pois ela pode criar de 20 a 30 filhotes cada vez.

16. O escorpião tem o metabolismo lento e pode ficar por um longo período de tempo escondido sem se mover e sem se alimentar.

17. O animal tem preferência por locais frescos e úmidos (restos de entulho, montes de folhas, madeiras velhas, etc.). Dentro das residências, sua preferência é por roupas limpas, cesto de roupas sujas (por causa do cheiro humano), sapatos fechados (CHEQUE sempre antes! Ensine seu filho a checar! Cuidado com aqueles ‘crocs’ que ele deixa na escolinha e coloca na hora de ir embora). Ele também gosta de móveis de madeira, canos de esgoto e pequenas gretas no chão e paredes (CUIDADO com os bebês curiosos que engatinham e mexem em qualquer buraquinho). Revise diariamente a cama / berço, sapatos fechados…

18. Quando se fala em escorpião, se deve pensar em CONTROLE. Adote as medidas acima. ESQUEÇA qualquer orientação sobre veneno (é PIOR). Já vi grupos de Facebook voltados para mães orientando a procurar um profissional especializado na área. Só se for o gari, o reciclador, o jardineiro… o veneno só serve para tirar o animal de seu habitat e fazer com que ele adentre as residências. Se quiser usar veneno, use para baratas (aqueles que você coloca uma gotinha em um canto e elas levam para o ninho) e SÓ. Mas MUITO CUIDADO se tiver criança ou animal de estimação em casa. Não se iluda com os famosos venenos que não tem cheiro (fazem mal do mesmo jeito).

19. O escorpião amarelo é mais perigoso que o preto. Sua picada pode ser fatal, principalmente em idosos acima de 70 anos e crianças com menos de 30 quilos.

20. FAÇA A SUA PARTE!

21. Compartilhe a informação para que outras pessoas também façam a parte delas. CONTROLE é a palavra-chave. Aproveite o final de semana para limpar seu quintal. Mantenha anotados os telefones informados nesse post.

22. – Verifique se há torneiras com vazamento na casa, já que eles preferem locais úmidos.
– Escorpiões são muito rápidos e sim, sobem pelas paredes.
– Escorpiões não atacam. Os acidentes com picada acontecem quando a pessoa encosta ou pisa nele.
– E a última: escorpiões gostam de andar em dupla. Se você encontrou um, prepare-se pois provavelmente há outro por perto.